Acho interessante falar sobre o inicio de um treinamento de Parkour, pois é um período em que você vai estar descobrindo coisas novas e quebrando barreiras a todo instante, são momentos em que você passa a se conhecer de uma forma que talvez você ainda não conhecia, conhecer sua mente e seu corpo. Suas mãos doem, fazem bolhas, pois começam a calejar. A musculatura do seu corpo fica bem dolorida nos dias posteriores aos treinos, principalmente as pernas. Mas o mais interessante que acho nisso tudo, é que geralmente esse é o período em que você ganha animo total pra continuar treinando, ou simplesmente abandona a atividade por achar difícil, é um divisor de águas.

Dame du Lac

Os primeiros treinos de Parkour são fundamentais para testar a persistência de uma pessoa, pois é um período em que seu corpo vai estar se adaptando uma atividade desconhecida, então ele acaba sofrendo um pouco sim, como em toda e qualquer outra atividade física em que você for praticar. É muito provável também que você ainda não possua coordenação para efetuar os movimentos, mas calma, tudo isso há de ser superado! Ao logo dos anos em que treino Parkour sempre observei que quem consegue superar esse período inicial de treinos e adaptação, há de colher frutos muito bons adiante! Os resultados começam a aparecer sem você ao menos notar, e quando você menos espera já está fazendo coisas que antes pareciam impossíveis, ou muito difíceis.

Bom, o intuito principal dessa postagem é de falar aos que estão começando no Parkour, para que não desanimem só por conta desse período em que o corpo sofre para se adaptar. Eu passei por isso, e tenho muitos amigos que também passaram, e hoje são pessoas fortes e com um nível muito alto dentro do Parkour. Não acredito muito em “levar jeito pra coisa”, acredito sim em determinação e treinamento.

Tem uma história engraçada minha que sempre conto para quem estou ajudando a iniciar no Parkour. Quando eu comecei meus treinamentos eu costumava realizá-los perto de onde eu morava nos dias em que eu treinava sozinho. Cheguei a filmar algumas coisas, alguns saltos etc…Hoje, sempre quando vejo esses vídeos eu penso: “nossa, como eu era ruim”.

Eu realmente era bem desordenado no começo, mas a parte engraçada disso tudo é que lembro que na época eu não achava isso, na verdade eu me achava muito bom por estar treinando algo que a maioria das pessoas não treinava e por estar me dedicando por inteiro a isso. Lembro que tudo que eu aprendia de novo, mesmo que algo simples, para mim era uma grande conquista e eu ficava muito feliz, pois sabia que era mais uma barreira que estava sendo quebrada.

Então acho que todos que realmente se interessaram pelo Parkour e estão começando ainda, devem saber que vão ter muitas barreiras a quebrar pela frente, mas que tudo isso faz parte do caminho para se chegar a um nível bom um dia. O melhor que vocês tem a fazer é curtir ao máximo esse período, ser feliz a cada conquista nova. Por mais que esses treinos iniciais sejam sofridos, ao mesmo tempo são treinos gostosos em que você descobre muito sobre o seu corpo e sua mente!